O Peripheral Component Interconnect – PCI de 1992

Gostou? Curta e compartilhe a publicação original! Ajude a divulgar o projeto! Deixe também seu comentário no final da postagem!

Em 22 de junho de 1992, a primeira versão do padrão de barramento para computadores Peripheral Component Interconnect – PCI era lançada.

Há exatos 30 anos!

Além do processador (seu componente principal), todo computador é constituído internamente por diversos elementos complementares, como: dispositivos de entrada e saída, de armazenamento, etc…

Muitos destes dispositivos se apresentam sob a forma de “placas de expansão”, que são adicionadas ao computador para que ele ganhe novos recursos e novas funcionalidades. Sabe aquele joguinho que exige uma placa de vídeo especial? Pois é… esta placa é um exemplo destas “expansões”.

Para que estas placas de expansão consigam se comunicar com o processador (e com os demais dispositivos internos), é necessário que existam canais de comunicação especiais, como se fossem “autoestradas”, capazes de transportar os dados entre eles na velocidade necessária. A este canal de comunicação damos o nome de “barramento”.

O PCI foi um novo padrão de barramento, que chegava para substituir os existentes ISA, EISA, Microcanal e VESA. Seu desenvolvimento se deu no início dos anos 90, quando a Intel percebeu que os barramentos existentes não seriam capazes de atender às necessidades do novo processador Pentium, lançado pouco tempo depois.

Além de ser capaz de transferir dados a velocidades de 33 ou 66MHz, com opções de modos de operação de 32 ou 64 bits, o PCI trouxe também a solução para uma questão que tirou o sono de muitos usuários nos anos anteriores: o novo recurso de configuração automática dos parâmetros de funcionamento das placas (plug&play), aposentando os dramáticos “jumpers” e chaves de configuração.

Nos anos seguintes, novas versões foram introduzindo melhorias, até que o PCI foi substituído pelo novo padrão “PCI Express” em 2003.

E você, também sofreu com a configuração de placas ISA?

Clique aqui e deixe seu comentário no final desta postagem! Sua participação é muito importante pra nós!


Vídeos(s):

*legendas disponíveis nos controles do Youtube, na opção “Legendas/CC –> Traduzir automaticamente”.

A história dos barramentos para PC: do ISA ao PCI-Express
Mais em:



*As imagens utilizadas nesta postagem são meramente ilustrativas e foram obtidas da internet.


Quer nos ajudar com doações de itens para o acervo do Museu Capixaba do Computador – MCC?

Entre em contato conosco por meio dos canais de comunicação identificados nos ícones abaixo, ou ainda por quaisquer uma das nossas redes sociais listadas no topo da página.

messengerinstagram directemail
Clique no ícone desejado e entre em contato conosco!

As doações também poderão ser entregues diretamente na sede do museu, neste endereço.

Para refrescar a memória e te ajudar a identificar alguns itens que buscamos, aqui você encontra nosso álbum de “Procura-se” .

Colabore você também com o primeiro museu capixaba dedicado à memória da tecnologia da informação! 

Doe seus itens sem uso. Você ajuda a natureza e dá uma finalidade socialmente útil pra eles!


Gostou? Curta e compartilhe a publicação original! Ajude a divulgar o projeto! Deixe também seu comentário no final da postagem!

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.