Gostou? Curta, comente e compartilhe a publicação original! Ajude a divulgar o projeto! Deixe seu comentário no final desta postagem!

Em 23 de setembro de 1974, a rede pública de TV britânica BBC lançava o Ceefax Teletext Service, primeiro serviço de teletexto da história.

Criado pela British Broadcasting Corporation (BBC), a mundialmente conhecida rede pública de TV britânica, o Ceefax foi um serviço inovador, responsável por revolucionar a forma como as pessoas acessavam informações de forma eletrônica, a partir de suas casas.

O Ceefax, cujo nome advinha da junção das palavras “see” (ver) e “facts” (fatos), ou seja, “ver fatos”, tratava-se de um serviço de teletexto que oferecia uma grande variedade de conteúdos na forma textual e com gráficos simples, atualizados diretamente na tela da televisão.

Ceefax Teletext Service 2
Interface típica do sistema

Através do sistema, os telespectadores da BBC podiam acessar notícias, previsão do tempo, resultados esportivos, listagens de programas de TV e muito mais, tudo de maneira rápida e simples, bastando pressionar alguns botões no controle remoto.

Isso eliminava a necessidade de esperar por jornais impressos ou programas de notícias na televisão para obter informações atualizadas, tornando-se um recurso valioso para muitas pessoas, especialmente numa época antes da internet e dos dispositivos móveis.

A tecnologia por trás do Ceefax era baseada na transmissão de dados juntamente com os sinais de televisão analógica regulares, bastando para a recepção que o aparelho de TV possuísse a funcionalidade integrada.

Os usuários podiam assim “navegar” pelas páginas de conteúdo usando os controles remotos de suas TVs, selecionando números de página para acessar informações específicas.

Ceefax Teletext Service 3
Usuária operando o serviço

A tecnologia havia sido originalmente concebida pelos engenheiros da BBC Geoff Larkby e Barry Pyatt, que buscavam formas de legendar programas de televisão para pessoas surdas.

Eles perceberam que, das 625 linhas de uma imagem normal de televisão, algumas “linhas sobressalentes”, existentes na parte de cima da imagem, poderiam ser utilizadas para transmitir palavras ou números, adotando um formato digital (binário) de dados.

Com apenas 6mil receptores de TV habilitados à recepção do serviço e por volta de 30 páginas de conteúdo disponíveis na época do seu lançamento, cresceria para atingir, em meados dos anos 90, a espantosa marca de 22 milhões de leitores semanais, agora com mais de 2.000 páginas de informações variadas, tornando-se uma das principais fontes de notícias do país.

Um tipo de Internet antes da Internet. 😊

O Ceefax não apenas oferecia notícias e informações práticas, mas também era usado para entretenimento, com quebra-cabeças, jogos, dicas de viagens, receitas culinárias, esportes e até mesmo histórias curtas.

Após um período inicial de disputa com outras propostas concorrentes de teletexto, o sistema evoluiria em 1976 para o padrão World System Teletext, que viria a se tornar o padrão europeu para sistemas similares em vários países.

Ceefax Teletext Service 4
Última página transmitida pelo sistema, quando seu desligamento em 2012

Em 1983 o sistema ganharia uma nova funcionalidade: a transmissão de programas para o computador pessoal BBC Micro, serviço conhecido como “telesoftware”.

Ao longo dos anos, o Ceefax evoluiu e expandiu sua oferta de conteúdo, tornando-se um precursor do que hoje consideramos a internet. No entanto, com o avanço da tecnologia digital e da internet, o serviço de teletexto foi gradualmente descontinuado.

O último serviço Ceefax da BBC foi encerrado às 23:32:19 do dia 23 de outubro de 2012, quando o último sinal de TV analógico foi desligado na Irlanda do Norte, marcando o fim de uma era de 38 anos fornecendo informações à população do Reino Unido.


E você, utilizou algum sistema de teletexto ou videotexto no passado?

Clique aqui e deixe seu comentário no final desta postagem! Sua participação é muito importante pra nós!

Vídeo(s):

*legendas disponíveis nos controles do Youtube, na opção “⚙ >> Legendas/CC >> Traduzir automaticamente”.

O CEEFAX da BBC
Demonstração do CEEFAX em 1975
Mais em:



*As imagens utilizadas nesta postagem são meramente ilustrativas e foram obtidas da internet.


Quer nos ajudar com doações de itens para o acervo do Museu Capixaba do Computador – MCC?

Entre em contato conosco por meio dos canais de comunicação identificados nos ícones abaixo, ou ainda por quaisquer uma das nossas redes sociais listadas no topo da página.

WhatsAppmessengerinstagram directemail
Clique no ícone desejado e entre em contato conosco!

As doações também poderão ser entregues diretamente na sede do museu, neste endereço.

Para refrescar a memória e te ajudar a identificar alguns itens que buscamos, aqui você encontra nosso álbum de “Procura-se” .

Colabore você também com o primeiro museu capixaba dedicado à memória da tecnologia da informação! 

Doe seus itens sem uso. Você ajuda a natureza e dá uma finalidade socialmente útil pra eles!


Somos um projeto sem fins lucrativos. Mas temos despesas. 😊
Se você curte nosso trabalho, gostaria de nos ajudar a pagar as contas?

Clique no botão abaixo e faça uma contribuição voluntária, de qualquer valor!

Você ainda tem a opção de tornar esta ajuda permanente, com um valor mensal fixo, marcando a opção “Transformar em doação mensalmente

botão doação paypal
paypal QR Code doação

Gostou? Curta, comente e compartilhe a publicação original! Ajude a divulgar o projeto! Deixe seu comentário no final desta postagem!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *