O editor de textos WordStar de 1978

Gostou? Curta e compartilhe a publicação original! Ajude a divulgar o projeto! Deixe também seu comentário no final da postagem!

Em setembro de 1978, a empresa MicroPro International Corporation lançava o editor de textos “WordMaster”, que posteriormente se tornaria o revolucionário editor de textos WordStar.

Originalmente criado para o sistema CP/M, o WordStar foi “O” editor de textos do início dos anos 80, tendo dominado o mercado neste período.

Tinha recursos WYSIWYG, que incluíam justificação automática de parágrafos (uma novidade na época), hifenização e uma indicação visual de paginação.

Em 82 a empresa lança sua primeira versão para MS-DOS, que manteve seu sucesso de mercado.

Contudo, assim como vários outros casos de fabricantes de softwares que foram “hits” dos anos 80, a demora no lançamento de uma versão Windows abriu caminho para que os concorrentes ganhassem espaço, especialmente o Word da Microsoft.

E depois de algum tempo, como aconteceu com os demais aplicativos similares, o WordStar deixou de existir.

Mas como coisa boa dura, mesmo antiga e ultrapassada, a versão para MS-DOS até hoje conta com fãs incondicionais, como o escritor George R. R. Martin da série Game of Thrones 😊. Ele mantém um segundo computador rodando o MS-DOS e a versão do WordStar 4.0 apenas para escrever seus textos. Sobre isso, disse ele em uma entrevista:

Eu odeio alguns desses sistemas modernos onde você digita uma letra minúscula e ela se torna uma letra maiúscula. Eu não quero letra maiúscula. Se eu quisesse uma maiúscula eu teria digitado uma maiúscula. Eu sei como usar a tecla shift.”

Pra matar a saudade:

Quer matar a saudade do WordStar?

Aqui neste endereço você roda uma versão online, direto no navegador.

E neste outro endereço você consegue baixar várias versões para seu PC.


E você, usou alguma versão do WordStar?

Clique aqui e deixe seu comentário no final desta postagem! Sua participação é muito importante pra nós!

Vídeo(s):

*legendas disponíveis nos controles do Youtube, na opção “Legendas/CC –> Traduzir automaticamente”.

o escritor George R. R. Martin fala do seu computador com WordStar 4.0
Mais em:



*As imagens utilizadas nesta postagem são meramente ilustrativas e foram obtidas da internet.


Quer nos ajudar com doações de itens para o acervo do Museu Capixaba do Computador – MCC?

Entre em contato conosco por meio dos canais de comunicação identificados nos ícones abaixo, ou ainda por quaisquer uma das nossas redes sociais listadas no topo da página.

messengerinstagram directemail
Clique no ícone desejado e entre em contato conosco!

As doações também poderão ser entregues diretamente na sede do museu, neste endereço.

Para refrescar a memória e te ajudar a identificar alguns itens que buscamos, aqui você encontra nosso álbum de “Procura-se” .

Colabore você também com o primeiro museu capixaba dedicado à memória da tecnologia da informação! 

Doe seus itens sem uso. Você ajuda a natureza e dá uma finalidade socialmente útil pra eles!


Gostou? Curta e compartilhe a publicação original! Ajude a divulgar o projeto! Deixe também seu comentário no final da postagem!

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.