Gostou? Curta, comente e compartilhe a publicação original! Ajude a divulgar o projeto! Deixe seu comentário no final desta postagem!

Em 22 de abril de 1993, o Centro Nacional de Aplicações de Supercomputação (NCSA) dos EUA, lançava a versão 1.0 do primeiro navegador Web com interface gráfica a se tornar mundialmente popular, o NCSA Mosaic.

Alguns anos depois da “invenção” da Web por Tim Berners-Lee, Marc Lowell Andreessen e Eric J. Bina, então funcionários da NCSA, resolveram criar uma versão de navegador web que fosse mais amigável e que integrasse, na mesma tela do usuário, tanto a parte textual quanto o conteúdo multimídia, o que pode não parecer, mas era uma enorme novidade para a época 😊,

Agregava ainda, no mesmo aplicativo, diversos protocolos e serviços de internet, como o FTP, Usenet News/NNTP e Gopher, além de buscar suportar não só as restritas estações de trabalho UNIX, mas também os vários tipos de computadores pessoais distintos existentes na época, como os PCs com Windows e Apple Macintosh.

navegador NCSA Mosaic 2
A interface da primeira versão para Windows

Tendo sua primeira versão beta lançada três meses antes, em 23 de janeiro de 1993, o advento da versão 1.0 foi responsável por uma explosão no uso da internet, que agora possibilitava aos usuários de todo o mundo sair do mundo dos caracteres de texto para as interfaces gráficas.

As estimativas eram de que, em 1995, o NCSA Mosaic detinha sozinho mais de 50% do total de usuários da Internet da época.

Pouco tempo depois, Andreessen deixaria a NCSA e se juntaria a James H. Clark (ex-fundador da Silicon Graphics) para criar a empresa Mosaic Communications Corporation, que se tornaria a histórica e bem-sucedida Netscape Communications Corporation.

navegador NCSA Mosaic 3
A interface típica da versão para Apple Macintosh

Após a criação da Netscape, e o lançamento do Netscape Navigator em 1994, o Mosaic foi gradativamente perdendo força, sendo descontinuado em 1997, quando estava em sua versão 3.0.

Mas o que muita gente não sabe é que até mesmo a primeira versão do navegador Internet Explorer, da Microsoft, foi baseado numa das versões licenciadas do Mosaic (a da empresa Spyglass Inc), cujos direitos de uso foram adquiridos pela empresa das janelas.

Sobre a Netscape? bom, essa é uma outra história. 😊

Para conhecer ou relembrar:

Quer conhecer ou matar a saudade? Baixe aqui neste endereço a versão 1.0 para Windows.


E você, utilizou o navegador Mosaic?

Clique aqui e deixe seu comentário no final desta postagem! Sua participação é muito importante pra nós!

Vídeo(s):

*legendas disponíveis nos controles do Youtube, na opção “⚙ >> Legendas/CC >> Traduzir automaticamente”.

Documentário sobre a criação do Mosaic e Netscape
Visão geral do Mosaic 1.0
Mais em:



*As imagens utilizadas nesta postagem são meramente ilustrativas e foram obtidas da internet.


Quer nos ajudar com doações de itens para o acervo do Museu Capixaba do Computador – MCC?

Entre em contato conosco por meio dos canais de comunicação identificados nos ícones abaixo, ou ainda por quaisquer uma das nossas redes sociais listadas no topo da página.

WhatsAppmessengerinstagram directemail
Clique no ícone desejado e entre em contato conosco!

As doações também poderão ser entregues diretamente na sede do museu, neste endereço.

Para refrescar a memória e te ajudar a identificar alguns itens que buscamos, aqui você encontra nosso álbum de “Procura-se” .

Colabore você também com o primeiro museu capixaba dedicado à memória da tecnologia da informação! 

Doe seus itens sem uso. Você ajuda a natureza e dá uma finalidade socialmente útil pra eles!


Somos um projeto sem fins lucrativos. Mas temos despesas. 😊
Se você curte nosso trabalho, gostaria de nos ajudar a pagar as contas?

Clique no botão abaixo e faça uma contribuição voluntária, de qualquer valor!

Você ainda tem a opção de tornar esta ajuda permanente, com um valor mensal fixo, marcando a opção “Transformar em doação mensalmente

botão doação paypal
paypal QR Code doação

Gostou? Curta, comente e compartilhe a publicação original! Ajude a divulgar o projeto! Deixe seu comentário no final desta postagem!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *